March 11, 2017

Manutenção no aparelho: Como estou?


Não tem sido fácil o processo da mordida cruzada. Penso que já sabiam desta parte, apesar de não falar do assunto há algum tempo. Até para falar nele não é propriamente fácil. Não tem sido muito ou nada motivante, para ser sincera convosco. Sabia que poderia correr bem, mas por outro lado sabia que poderia tornar-se numa tarefa muito complicada. A mordida podia não descruzar completamente e foi exatamente isso que aconteceu. A minha mordida descruzou do lado esquerdo, porém o mesmo não aconteceu do lado direito. Está muito para dentro. Precisa de ser puxada, para fazer um arco perfeito, digamos assim. 

O pior de tudo isso é que a solução passa pela colocação de algo que eu queria fugir a todo o custo. Um expansor no céu da boca. Pois. Isso mesmo. Sei que irá causar desconforto, mas não faço ideia do grau de dor, de dificuldade. Não queria fazê-lo, mas penso que estou num beco sem saída. A mordida não irá descruzar de outra maneira. Terei de ficar com o expansor colocado durante cerca de 6 meses. Quem sabe mais algum, ao que parece quem manda nestas coisas são os nossos dentes e os meus deixaram de ser meus amigos. Pelo menos até descruzarem de vez. Não é que esteja zangada, estou mais desmotivada. É complicado aceitar que irei andar meio ano com o expansor e sem o arco superior, depois sim voltarei a colocá-lo para os retoques finais. O maxilar inferior já está praticamente despachado, não há forma mais direta de dizer que "já está" só que não pode ser retirado, até a mordida ficar perfeita. Percebem a razão que me faz ficar assim, não é? Mas não há nada a fazer. Ou é assim ou nada feito. 

Penso que na próxima semana já terei de dar um «sim» e daqui por um mês irão ver-me de expansor, com uma nova maneira de falar, com novas dores e cheia de vontade que o tempo passe! Não há outra forma de encarar isto. Já passaram por isto? Como é ter um expansor no céu da boca? Contem-me tudo, porque isto não está fácil de dizer que «sim» a algo que não posso dizer «não». 

2 comments:

  1. Oh god. Expandir de céu da boca. Tas lixada. Não quero assustar-te mas dizem que isso da umas dores horríveis! Boa sorte!


    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ReplyDelete
  2. Percebo a tua forma de pensar,nunca me aconteceu tal coisa, mas presumo que não seja fácil aceitar e dizer sim. Mas Joana pensa que é só uns meses e tenta tirar algo de positivo ,mesmo que não o vejas, faz um esforço, logo ficarás melhor, e isso compensará tudo esse teu sofrimento bocal. Porque não é nada fácil mesmo. Força Joana tu és capaz. "Never Give Up "Beijokas e Bom Fim de semana .


    ❤ Célia Santiago
    Diário Feminino
    FacebookInstagramYouTube

    ReplyDelete