April 19, 2016

Manutenção do aparelho ortodôntico

Na sexta-feira passada foi dia de ir ao dentista fazer a manutenção do aparelho. E sim, eu sei que tenho andado em falta no que toca a dizer-vos como anda a manutenção, como anda a desenvolver-se e as mudanças que vão acontecendo na minha boca, mas acreditem que não é por maldade. É falta de tempo, é falta de fotografar. Porque se é para falar disto, quero mostrar como estou. E estou muito bem, obrigado. O sorriso vai aparecendo, os espaços vão ficando mais pequenos e aos poucos tudo vai ficando no sitio certo. Não se nota?

Mas como estava a dizer-vos... na sexta-feira lá fui eu a mais uma mudança de elásticos e a mais uma recepção de informação no que toca à minha mordida cruzada, que continua cruzada. Resolver problemas relacionados com os nossos ossos a nível das nossas articulações é muito complicado. Criamos hábitos e memórias. Os ossos vão ficando naquele sitio e para se mexerem para outro é parado ou muito lento. Mantenho os levantes de mordida por cá e as hipóteses seguintes, caso isto não se resolva, passam pela colocação de uns elásticos que devem de me ir puxar e puxar. E claro, caso não aconteça nada, a colocação de um expansor do qual tenho um medo horrível porque para minha infelicidade, na mesma sexta-feira vi um de perto e que fez o favor de traçar a língua à dita pessoa. Posto isto, acham que quero pô-lo? Não, nada. Espero mesmo que se resolva sem ele, mas não sei se será possível. 

Maldita memória, não é? Mas eles não têm qualquer culpa, acontece. É como tudo. Vamos crescendo, vamos formando cada parte do nosso corpo, da nossa estrutura e como se diz, é em pequenino que se torce o pepino. Neste caso é de pequenino que se corrige estas coisas. Infelizmente não tive essa sorte e espero ir a tempo. Preferia não ter se sofrer tanto, mas se tiver de ser, é. Tudo o que for para ficar bem, para ficar com o tal sorriso que eu sempre procurei, vai-se fazendo. A meio é que não se pode ficar!

Lembrem-se disso. Lembrem-se que se precisam de algo para serem mais felizes, como eu precisava de sorrir à vontade, façam-no.

6 comments:

  1. Adoro acompanhar esta tua rubrica! Estou super ansiosa porque, se tudo correr bem, dia 1 de Junho coloco o meu aparelho :D Entretanto (e a parte que me dá mais medo!), ainda vou ter que passar pela extracção dos 4 cisos!!! Mas tudo isso vai valer a pena, porque no final o que conta é termos o sorriso que sempre desejámos (no meu caso, voltar a tê-lo, porque será a segunda vez de aparelho).
    Beijinhos*

    ReplyDelete
    Replies
    1. Verónica não tenhas medo, se acompanhas a rubrica já sabes que tirei 6 dentes, dos quais quatro dentinhos desses.

      Beijinhos

      Delete
  2. Eu vou tirar mais os dois cisos inferiores porque os dentes debaixo tem de recuar porque já estão praticamente direitos.
    Os de cima, caninos principalmente, tem de rodar mais um pouquinho é está tudo ok.
    O que é isso de mordida cruzada?
    Agora não dói nada nadinha. Não sinto rigorosamente nada e espero que estejam na mesma a ir aos sítio. Uma vez que só tenho aparelho há 8 meses e queria usá-lo pouco tempo mais, caso seja possível.

    Beiijinhos

    ReplyDelete
    Replies
    1. Olá Inês! Eu preferi remover os meus dentes antes de colocar tudo o que fossem araminhos. Foi uma decisão pessoal e não estou nada arrependida. Agora é um descanso.

      Sobre a mordida cruzada, eu falei num post anteriormente.
      Deixo-te a publicação aqui:
      http://writtenbyjoana.blogspot.pt/2016/03/ainda-sobre-o-levantamento-de-mordida.html

      Também não sinto dores. Mas se estás à 8 meses, deverá chegar ao ano e meio pelo menos. É o menor tempo que conheço nestas coisas de ortodontia!

      Beijinhos

      Delete
    2. Já vi! :-)

      Quem me dera... acho que vão ser mesmo os 2 anos...
      A minha dentista até achava que não tavam assim tão tortos. Porque aparentemente até estavAm pouco tortos e daí achar que não seria necessário

      Vamos ver :-)

      Delete
  3. Oh... alguém com o mesmo problema que eu! Também tinha mordida cruzada mas agora está resolvido. Durou 3 anos mas valeu bem a pena o esforço (e as dores, não é?). Ansiosa para ver esse resultado final! :D

    ReplyDelete