September 30, 2015

A entrevista [5 minutos com...]

Como já devem ter percebido vou mostrar-vos uma entrevista que dei ao blog Fashion She Wrote. Confesso que não a encaro totalmente como uma entrevista, mas sim uma conversa entre duas pessoas que já trocaram inúmeras palavras, inúmeras conversas sobre si mesmas e que se tornaram amigas. Recordam-se da Rita autora deste blog? A minha querida Rita. Conhecia-a através do meu projecto de renovações, quando renovei o seu próprio blog e agora ela quis entrevistar-me! Quero deixar-lhe um beijinho muito grande e agradecer por me ter feito estas perguntas, que respondi com muita vontade mesmo e de forma sincera. É sempre bom quando valores mais altos se levantam e o saber ouvir e ser amigo está muito presente por aqui! 

Por agora deixo-vos as minhas respostas, que acabam por mostrar mais um pouco sobre mim, sobre aquilo que sou e a forma como penso. Poucos são aqueles que conhecem mesmo o meu intimo, aquilo que sou. Espero matar algumas curiosidades e que assim possam ir ficando a saber como sou e porque é que o blog é como é.

A entrevista começa aqui...

Fashion She Wrote: 
Joana, a pergunta da praxe: em que te inspiraste na criação do “Written By Joana”?

Resposta: Sabes, quando comecei o Written, como já disse, eu já tinha um blog, já tinha um nome, só que sendo muito honesta eu não conseguia sentir-me totalmente confortável com o nome. Nem o que tinha, nem qualquer outro, e depois sem conhecer a maior parte dos blogs que hoje conheço, decidi-me por este nome. Na altura pareceu-me indicado. Era algo muito meu, queria um blog extremamente pessoal. Desde o começo essa foi a minha maior certeza, só não sabia ainda como geri-la. Depois, com o passar do tempo acho que se tornou quase impensável trocar de nome, porque já sabiam qual era o blog, já me associavam a ele, por isso acabei por deixar ficar. É claro que depois fui-me apercebendo que a maior parte das bloggers têm o nome do blog e depois sim o nome de quem escreve. Acabou por se tornar engraçado e diferente, que é algo que gosto muito! Por isso, a inspiração foi sobretudo querer ser fiel a mim mesma, ao que pretendia do blog, ser eu acima de tudo. 


Fashion She Wrote: 
O que te cativa num blog? Tens alguns dos quais não percas “pitada”? Se sim, quais?

Resposta: A primeira coisa que me cativa num blog é o aspecto. Não precisa de ser um blog extremamente bonito, precisa só de estar arrumado por assim dizer. Quero sempre conseguir ler as coisas de forma clara, sem muitas confusões. Acaba por estar relacionado com a pessoa que eu sou, nada de grandes coisas, simplicidade e organização (ou talvez seja quase um defeito pelo que também tenho desenvolvido no blog). Depois, em termos de informação e texto, têm de ter duas coisas: se usarem imagens, terem qualidade, nada de coisas desfocadas; e têm de ser diferentes, de acrescentar algo diferente, a forma de escrever pelo menos. A forma de chegar até ao outro lado! Eu sigo e conheço vários blogs, alguns mais conhecidos outros menos. Dos mais conhecidos confesso que não perco o fio à meada do blog d'A pipoca mais doce ou da Cocó da Fralda. Foram dos primeiros que conheci e acabei por seguir sempre. Ambos completamente diferentes, mas que a forma de ambas escreverem me cativa. É quase uma forma familiar, nada cheia de mariquices. Também seguia o do Arrumadinho, mas com o passar do tempo como tem escrito menos, acabo por ir lá menos vezes. Dos meus blogs, sigo aqueles que me dizem algo, que sei que são bons blogs, o caso do teu, que tem óptimas fotografias! Em geral, se vir um tema que me levante as orelhas, pronto, lá vou eu. É automático.

Fashion She Wrote
Qual a tua visão da blogosfera atualmente, principalmente a nível nacional?

Resposta: Actualmente acho que tendem a surgir cada vez mais blogs, aliás, acho complicado contabilizar. Todos os dias devem surgir centenas ou mais, arrisco em dizer. Mas não sei se será só a nível nacional. Contudo, acho que por um lado é óptimo surgir cada vez mais blogs, mas por outro acho que depois se torna mais difícil achar aqueles que podem ser diferentes e que podem mesmo acrescentar algo mais. Acabam por ficar quase submersos neste mar enorme de blogs que aparecem. É a minha máxima, ser diferente. E depois se existem tantos caímos o sério risco de ser iguais uns aos outros. Infelizmente também se criam ódios de estimação, que eu acho que deviam de ser extintos, mas, como nem tudo é mau também surgem coisas boas, como amizades, boas conversas. Acima de tudo acho que é bom quando de um blog nasce uma amizade entre duas bloggers. 


Fashion She Wrote
Com base na resposta anterior que conselhos ou “dicas” gostarias de deixar a quem se está presente neste meio ou até mesmo a quem está a começar?

Resposta: O principal conselho que eu acho que é imprescindível para qualquer blogger é o ser diferente, o acrescentar algo que ainda não foi feito. O outro conselho é entrar com o pé direito ou até mesmo com os dois. Apostar numa imagem simples mas personalizada de inicio, para não correr o risco de alguém entrar, ver a barafunda e não voltar mais. O último é a produção de texto, ser adequada e boa e esta pode adquirir-se com prática, com atenção. 

Fashion She Wrote
O que é para ti mais importante que transparece no teu blog? O que gostavas que reflectisse aos teus leitores?

Resposta: O que eu queria que o meu blog transmitisse era que sou assim, que sou o que conseguem ver, sem nada por detrás, sabes? A sinceridade com que escrevo, com que dou opinião, é mesmo a minha. Não invento, não vou atrás de modas ou opiniões, o que por vezes me faz ser do contra ou extremamente frontal. E gostava sobretudo que as pessoas não ganhassem uma má imagem quando essa minha frontalidade fere os outros. Gostava que reconhecessem que é um esforço enorme postar todos os dias ou quase todos os dias, que é o que faço. É preciso tempo e dedicação, um gosto enorme. 

Fashion She Wrote
Não podia deixar de falar no teu trabalho de renovação de blogs. Foi nesse âmbito que nos conhecemos e fiquei super contente com a renovação do Fashion She Wrote. Como surgiu este bichinho? Como bem sei tudo o que sabes aprendeste nas tuas pesquisas, que parte do processo todo mais te entusiasma e o que esperas alcançar um dia com este projeto?

Resposta: Graças a este projecto já tive momentos muito bons e momentos muito maus. No caso do teu blog e da tua renovação, foi uma das melhores surpresas que recebi Rita. E agora falo directamente para ti, apesar de ser suposto falar para todos. Foi óptimo conhecer-te e conseguir sair do blog para algo mais. Como tu sabes, eu aprendo muito sozinha, sou curiosa desde adolescente no que toca a esta área e a minha imaginação trabalha mais rápido do que eu. Se calhar tenho pena de não ter jeito para alguns pormenores, mas não conseguimos ser bons em tudo. E este bichinho sempre esteve comigo, começou por aparecer quando comecei a mudar o meu blog, a criar e a inventar. O click foi quando fiz o meu primeiro logótipo, nem queria acreditar, fiquei tão feliz no final. Parecia mesmo um logótipo e depois o resto foi surgindo e eu fui assistindo com cara de parva mesmo. As amigas próximas foram pedindo ajuda, depois algumas bloggers que me foram conhecendo fizeram precisamente a mesma coisa, até que quando dei por mim, no natal passado, uma blogger quis pagar por tudo o que fiz e aí ponderei bem nas coisas e decidi levar todo o projecto mais a sério. A única coisa que eu quero é que o projecto possa aguentar-se, possa ir ficando e fazer parte do meu blog sempre, que continuem a confiar no que faço e que gostem mesmo do resultado final. Se possível, que me voltem a "bater à porta" quando quiserem mudar tudo novamente! Acho que essa será a melhor recompensa! (E já aconteceu, o que me deixou muito feliz!).


Acesso à entrevista no blog da Rita: 

1 comment

Latest Instagrams

© Joana. Design by Fearne.