December 30, 2014

Balanço do ano 2014

Por esta altura costumo fazer sempre um balanço do ano, gosto de pensar no que correu bem e no que podia ter sido muito melhor do que na realidade foi. 

Quanto ao blog, não podia estar mais satisfeita. Em poucos meses, acerca de sete, tornei esta página publica e desde então tem havido um crescimento muito grande. Tudo o que está para trás faz parte de um começo antigo, de um desejo enorme de criar um blog que cativasse os leitores e um dia me levasse mais além. Quem sabe um dia, não é? Os temas vão aparecendo, as divulgações também e sobretudo o trabalho, porque ter um blog não é fácil, ou melhor dizendo, alimentá-lo não é nada fácil. Por essa mesma razão, pessoas que queiram criar um blog tenham em conta se o querem mesmo, se estão direccionados para algo especifico e o mais importante se acham que são capazes de entrar neste corre corre de páginas, ou seja, não é criar o blog e depois deixá-lo por aí, à solta... Se assim for esqueçam essa ideia. Eu escolhi dedicar-me ao meu, e sou muito feliz com ele. Trouxe-me pessoas novas, ideias novas, aprendizagens novas. O que espero para este menino em 2015 é que seja tão bom ou melhor ainda, que alcance o dobro das coisas que até hoje alcançou e me dê motivos de alegria sempre. 

No que toca à minha pessoa é mais do mesmo. Alguns momentos foram óptimos e outros foram péssimos. Conheci pessoas que valeram a pena e o esforço, mas como há sempre o outro lado, também me desiludi e me magoei. Mas isso já é o pão nosso de cada dia no mundo em que estamos e com o passar dos meses tenho vindo a aprender que se calhar é melhor assim, que só faz falta quem realmente quer estar e sobretudo aprendi a não abrir mão da minha felicidade em prol de outros. Simplesmente porque não vale a pena. Já chorei muito, já lutei para mostrar que existe falsidade neste mundo como se não houvesse amanhã; mas a paciência tem limites e a minha paciência tem o pavio curto. Não tinha, antigamente... Agora o pavio quase desapareceu. Mas como quem semeia ventos, colhe tempestades, quero acreditar que um dia tudo se sabe e que a verdade vem sempre ao de cima, ou quem sabe um dia me dê um devaneio qualquer e a traga eu mesma ao de cima.

O meu coração está em bom estado e recomenda-se. Ou não fizesse eu hoje um ano e meio de namoro com o melhor namorado do mundo. E sim, é o melhor, e para ser o melhor não precisa de ser perfeito. Os melhores namorados do mundo também erram e reclamam connosco, também se zangam, mas também são os melhores namorados do mundo que lá estão e nos dão a mão a cada minuto, a cada segundo. E o meu é um desses. 

Com todos os altos e baixos, vou rumar ao ano 2015 e espero que o próximo ano seja repleto de novidades por aqui e de coisas novas e boas na minha vida pessoal. Desejo a todos os bloggers uma entrada com o pé direito e sobretudo sejam felizes!

6 comments

  1. E que continue a crescer, eu ca estarei para continuar a seguir todos os teus posts, simplesmente tornei me fa.

    Beijo enorme e bom ano
    http://transparenciasnasletras.blogspot.pt

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigado minha querida Carla! :) É óptimo ouvir essas palavras! Faz com que todo o esforço e horas que perco aqui valha a pena.
      Beijinhos e boas entradas!

      Delete
  2. Obrigada! Também espero que o teu 2015 seja óptimo! :)

    ReplyDelete
  3. Desejo-te um feliz 2015! :)
    Passa também pelo meu blog e segue, se gostares*
    Beijinhos,
    theinsideofvogue.blogspot.com

    ReplyDelete
  4. Obrigada! Vou passar e seguir! Espero que passes a seguir o meu também e a conhecer o que aqui desenvolvo e o que comento! Beijinhos :)

    ReplyDelete

Latest Instagrams

© Joana. Design by Fearne.