November 03, 2014

Contra a violência

Enquanto tenho a televisão ligada ouço algumas notícias e mais uma vez aparece uma sobre a violência doméstica e sobre a violência em crianças. Era suposto caminharmos para um mundo mais desenvolvido, para um meio onde fosse cada vez mais fácil viver, mas acredito seriamente que a tendência é piorar. E quando digo piorar é a olhos vistos. Não me cabe na cabeça como é que alguém que diz gostar doutro alguém (entenda-se por mulher, homem ou criança) consegue bater nesse mesmo alguém. Não gosta. Não sabe sequer o que é isso, e tem grandes problemas psicológicos. Será que é este o mundo que estamos todos a gerar? 

Quando ligo a televisão já sei que em qualquer altura vai haver uma notícia sobre a morte de alguém, e não é porque morreu de velhice. A mim indigna-me. Compreendo que possa ser complicado libertarem-se de situações desse género, e isto serve também para as crianças, sobretudo para elas, que muitas sofrem essa violência pelas mãos dos próprios pais. Para onde podem ir? Fogem? Tornam-se marginais? E as mulheres? Continuam a sofrer em silêncio? Se calhar um revolução... ou uma bomba para cima dessas pessoas. Talvez resolve-se a situação... 

Pelo menos peçam ajuda a quem puder e aos serviços que estão disponíveis para combater este mundo triste em que vivemos!

2 comments

  1. Tal e qual! Ainda hoje estava a ver o telejornal, e até comentei ''ultimamente é só maridos a matar mulheres e toda a gente a matar toda a gente''. Como é possível tudo evoluir e as pessoas estarem cada vez mais... Retardadas?

    http://apenultimabolachadopacote.blogspot.com/

    ReplyDelete
    Replies
    1. Acho que estamos a caminhar para um mundo muito infeliz. Pessoas cada mais mais individualistas, sem querer colaborar umas com as outras. Muito mau na minha opinião :\

      Delete

Latest Instagrams

© Joana. Design by Fearne.