July 10, 2014

Sobre notícias #4

Há coisas que não me espantam minimamente e sinceramente esta é uma delas.

"Portugal teve a taxa de natalidade mais baixa da UE em 2013" (clicar para ler a notícia)

Aos meus olhos não me parece algo impossível de acontecer. Aliás, com o passar dos anos julgo que esta situação se tenha vindo a arrastar e a piorar a olhos vistos. E a culpa não é das pessoas. Digo com toda a certeza que existem muitas famílias que até gostariam de ter um filho e não têm porque simplesmente não aguentariam todos os gastos que isso acarreta. E noutros casos, há pais que desejariam ter mais do que um filho mas que tendo já um filho sabem que com dois a situação tornar-se-ia bem mais complicada. 

Se calhar, cabia ao governo chegar-se à frente. Motivar a natalidade a aumentar. Um país onde a taxa de mortalidade é superior à da natalidade não indica nada de bom. Como já todos sabemos, um dia seremos um país de velhos. 

Posso aceitar até que cada vez mais, com toda a globalização e individualidade que reconheço nas pessoas, muitas não queiram ter filhos e isso possa ser prejudicial, mas com toda a certeza que a falta de capacidade económica é um factor bem mais agravante de toda esta situação. Neste momento é praticamente impossível, ou mesmo impossível inverter esta falta. Portugal precisa de uma grande mudança. Precisamos de um país mais jovem, precisamos de arranjar trabalho para os jovens. Criar meios para atingir fins necessários.  


Mas se calhar o governo vai continuar mais preocupado em baixar o valor do pão com chouriço... 

Post a Comment

Latest Instagrams

© Joana. Design by Fearne.