July 30, 2014

A minha história de amor #8

"O amor é como um tsunami: inesperado, invasivo e letal. Quando nos apanha na curva, podemos fazer apenas uma de três coisas: fingir que não é nada connosco, baixar a cabeça e seguir em frente, recuar e resistir, ou abrir-lhe os braços e dizer: ok, vamos a isto." - MARGARIDA REBELO PINTO

Quando a mim, fui apanhada na curva, tentei fingir que não era nada comigo e resistir. Mas acabei por abrir-lhe os braços e deixá-lo entrar. 


Podem ser mais 13, e depois mais 13, e depois...e depois...
Amo-te

3 comments

  1. Dizes ter sido apanhada na curva, e eu andava a caminhar pelo deserto quando tu apareceste. Não estava em busca do amor, estava no meu mundo e eis que tu apareceste... E de forma subita entraste e tornaste-te dona do meu coração, tornaste-te na pessoa mais importante da minha vida e por quem eu correria o mundo.
    Quanto ao "número" 13... espero que se multiplique muitas e muitas vezes e que o nosso amor seja eterno!
    AMO-TE MUITO!!! <3

    ReplyDelete
  2. Ahhhh... como te compreendo!
    Que sejam muito felizes! :3
    Beijinho e parabéns!

    A.R
    www.oitotentaculos.blogspot.com

    ReplyDelete

Latest Instagrams

© Joana. Design by Fearne.