November 15, 2009

Um pedaço de tudo

Estar sentada nesta cadeira, a olhar para este ecrã e começar a escrever algumas palavras parece fácil. Parece uma tarefa simples que qualquer um pode fazer, mas e se o fizesses depois de uma directa? ou se algo de errado se passasse? ou se estivesses ansiosa? ou se simplesmente quisesses transparecer para aqui tudo de uma vez, acerca de todos teus pensamentos e sabes que no fundo não é possível. Tu foste-te embora e eu segui a história. Só que agora chamo-a de minha. Chamo-a de força de vontade. De viver para tudo o que é melhor para mim. Se um dia quiseres voltar, lembra-te que (talvez) a porta ainda esteja aberta, ou (talvez) não esteja. Em tempos diria de olhos fechados que o melhor eras (....) mas agora não vou dizê-lo. O melhor de ontem, foi passar a noite com as minhas miúdas. Jogar, ver filmes, rir, jantar com elas, enrolarmos-nos em mantas e tirar-mos fotografias ridículas, combinar próximas saídas e ver que afinal posso levar uma noite inteira a sorrir. A amizade é importante, demasiado importante para as pessoas a ignorarem. Porque razão chorei tanto? Chega. Sempre chegou, e eu nunca vi. Deixo as lágrimas para as nuvens. Essas sim, encheram-nos durante a noite. A vida é para ser vivida enquanto podemos. Contigo, ou sem ti. Libertei-me de algo que nunca quis que se fosse embora, mas agora recebi tantas coisas. O resto? O resto vai-se acrescentando. Apagar ou separar coisas de mim? Nunca mais. 

1 comment

  1. Joanaa, está tão lindo o texto!
    É isso, o importante é aproveitar o que temos. O que tivemos e não temos mais ou o que tivemos e não temos por enquanto depende do curso de tempo, se não temos é por alguma razão e poorque neste momento é o melhor para nós. A vida sabe dar-nos o essencial. Sabe dar-nos o que precisamos. E tirar-nos o que está a mais. Nós apenas não vemos isso ou não sabemos ver, porque estamos iludidos. Mas a vida sabe cuidar de nós :)

    ReplyDelete

Latest Instagrams

© Joana. Design by Fearne.